“Errar ‘para a chuva’ é o que há de pior no dia do meteorologista”, diz Josélia Pegorim



O boletim meteorológico é um dos mais aguardados pelo público e elemento certo nos jornais e em quase todas as mídias – rádio, TV, internet ou impressos. Ao lado dos boletins de trânsito, é uma das vedetes do jornalismo de serviço. Com ampla experiência no trato da informação meteorológica para os meios de comunicação, Josélia Pegorim é meteorologista da Climatempo – agência pioneira em consultoria meteorológica no Brasil – e tem uma relação muito próxima com a imprensa.

Durante 10 anos, manteve coluna no jornal O Estado de S. Paulo e apresentou, durante 21 anos, boletins sobre o clima da cidade de São Paulo, na Rádio Eldorado, função que deixou há cerca de um ano. Atualmente, mantém um blog no portal da Climatempo. “Errar ‘para a chuva’ é o que há de pior no dia do meteorologista. Dizer que vai chover e não chove, é o pior erro. Se a previsão for de um dia nublado e com chuva, mas o sol aparece e chove pouco, pouca gente reclama”, conta Josélia. A entrevista será publicada em duas partes. A primeira vai ao ar hoje, terça-feira (25), e a segunda, nesta quarta-feira (26).

Veja a entrevista completa com a competente e carismática meteorologista Josélia Pegorim aqui.

Fonte: Portal Imprensa – UOL.