O que são contrails?



Contrail. Foto de Anthony Appleyard (Wikimedia Commons)

Você já deve ter reparado que algumas vezes os aviões cruzam o céu e deixam esse rastro. Seria fumaça do avião? Não é. A palavra contrail vem das palavras Condensation Trail e significam Trilha de Condensação.

Os motores dos aviões expelem ar quente. Se existir vapor d’água na altitude em que os aviões voam, o ar quente fará com que o vapor d’água condense, gerando assim as pequeninas gotículas de água que formam uma nuvem.

Quando a aeronave está prestes a pousar, ela utiliza um dispositivo em cada uma de suas asas chamado flaps. Esses flaps ajudam a diminuir a velocidade da aeronave. Quando eles são abertos, pequenos vórtices formam-se devido a passagem do ar atmosférico através deles. Em situações assim, vemos dois riscos no céu:

Vórtices formados devido a passagem de ar pelos Flaps. Não são contrails. Fonte: Wikimedia Commons

Esses vórtices não devem ser confundidos com contrails. Contrails ocorrem em alturas muito elevadas, normalmente acima de 8000m (altura aproximada  a das nuvens altas). Normalmente, contrails duram poucos segundos no céu, pois logo são dissipados pelo vento em altitude.

Algumas vezes, na bibliografia, o contrail é chamado de trilha de vapor. Eu particularmente considero essa nomenclatura equivocada, pois o vapor d’água não pode ser visto,é um gás. O que vemos são as gotículas d’água, que formam a nuvem, que é o produto da condensação.

Bibliografia

Contrail. Wikipedia, the free enciclopedia.

Vapour trail. Britannica.