Isaac deve chegar em Nova Orleans por volta das 7h (horário local).



O fuso horário de Nova Orleans é -5UTC. Como comparação, o horário de Brasilia é -3UTC. Sendo assim, no momento que escrevo este post é 15h em São paulo-SP e 13h em Nova Orleans. O furacão Isaac deve atingir Nova Orleans por volta das 00UTC do dia 29/agosto, que dá aproximadamente 19h (horario local desta cidade de 28/agosto.

Por volta das 10h da manhã de hoje (28/agosto),  o NHC informou um boletim alerta de furacão para as cidades na divisa dos estados de Alabama e Missisipi, incluindo a área metropolitana da cidade de Nova Orleans. No horário deste boletim de alerta, Isaac ainda era uma tempestade tropical com ventos máximos de 110 km/h.

Entretanto as previsões que comentei ondem indicavam qu a velocidade dos ventos de Isaac poderiam aumentar e atingir até 200km/h.

A imagem acima é do satélite Aqua, da NASA. Essa imagem foi capturada por volta das 2h da manhã (horário local) do dia 27/agosto. Sendo assim, no horário de Greenwich era 21h do dia 26/agosto. Nessa imagem, não conseguimos nem ver o caractetístico olho do furacão. Ainda tínhamos uma tempestade tropical. Então eu fui buscar informações para saber se Isaac já evoluiu para furacão:

 

A imagem acima é do canal visível de um dos satélites GOES, das 17:15UTC de 28/agosto (12:15 horário local da região e 14:15 horário de brasília) . É possível ver Isaac bem próximo ao delta do Mississipi, mas não consigo ver seu olho devido a baixa resolução da imagem, mas de acordo com o NHC, Isaac já é um furacão e aparece nos mapas com esse símbolo vermelho característico:

A imagem acima também é de um dos satélites GOES e foi analisada por meteorologistas.É uma imagem  mais recente, das 06hUTC (1h no horário local da região e 3h da tarde no Horário de Brasília). As áreas em laranja e vermelho são áreas com probabilidade de que tempestades tropicais que por elas passarem possam se desenvolver em novos furacões. Vejam que nessas áreas há a presença de bastante nebulosidade, normalmente chamadas de áreas de depressão (baixa pressão) tropical. De acordo com a análise dos meteorologistas, agora os ventos de Isaac são da ordem de 100km/h e está a uma distância de 450km do delta do Rio Mississipi.

As observações já indicam que o nível do mar pode subir de 1,8 até 3,7m, o que é uma grande preocupação, já que a água pode adentrar pelo estuário do Rio Missisipi e provocar enchentes. A precipitação acumulada durante a passagen de Isaac é de 180mm-360mm, podendo chegar a 500mm em áreas isoladas.

Sendo assim, as imagens recentes mostram a aproximação de Isaac e medidas já foram tomadas para que menos dano fosse causado. Isaac já causou alguns danos e mortes. Em sua passagem pelo Haiti, deixou 19 mortos. Infelizmente o Haiti é um país muito pobre, com um histórico de conflitos civis e devastado por furacões anteriores e terremotos. A infra-estrutura para se evitar danos e tragédias é bem menor do que a disponibilizada pelos outros países do entorno, como México, EUA e Cuba.

A cidade de Nova Orleans fica especialmente temerosa com um novo furacão potencialmente destruidor. O Katrina, que arrasou a cidade há exatamente 7 anos atrás, deixou quase 2000 mortos e marcas que dificilmente serão esquecidas.

Se você tem conta no Twitter, acompanhe o furacão Isaac (fotos, análises e depoimentos) através da hashtag #isaac.