O que não fazer no transporte público.

Aqui no Meteorópole defendemos o transporte coletivo. E a gente não quer saber de gente pendurada em ônibus ou de metrô superlotado. Queremos transporte digno e de qualidade. Usar o transporte público é uma forma de reduzir a poluição do ar, evitar a emissão de gases estufa, de melhorar a convivência na cidade e de chegar mais rápido no trabalho.

Além dos investimentos do governo, que devem ser maiores  e melhores (e devemos lutar por isso diariamente), também devemos fazer a nossa parte. Agindo com educação e civilidade, o transporte coletivo pode ser mais amigável e mais confortável.

Hoje cedo eu peguei o metrô e uma mulher se desentendeu com um rapaz na fila. Semana retrasada uma senhora me chamou de endemonhada (rsrs), após quase machucar meu braço, porque certamente estava furiosa com a vida e notadamente apressada. Essas pequenas coisas chateiam e estragam o dia de quem precisa usar o transporte público diariamente.

A Danuza me mandou um link com uma série de fotos compiladas pela internet com exemplos do que não fazer nos transportes públicos. Algumas coisas são bem engraçadas, outras são apenas embaraçosas rs. Outras são realmente desagradáveis ou sem noção, como colocar a sua bolsa em um assento, por exemplo.

Ano passado, o portal Delas fez uma lista com regras de etiqueta para serem seguidas nos meios de transporte. Bem que todos podiam copiar, não?