Enfeites de Natal em Ponto Cruz



Já comentei algumas vezes que sou grande fã de trabalhos em ponto cruz, mas nunca tinha escrito a respeito. Faço muitas coisas, como hobby, mas estou longe de ser expert. Como o Natal está chegando, vou mostrar para vocês um enfeite muito fácil que fiz, usando como base um gráfico que encontrei na internet:

10422163_10203265595100346_7430124365763082677_n

São meias de Natal! Recortei o etamine branco (pode ser qualquer cor, eu escolheria também na cor cru também, fica com um aspecto rústico e acho que fica bem bacana) no formato de meias. Usei um molde de papelão que desenhei a mão livre mesmo, no tamanho que achei mais adequado. Fiz duas grandes e uma pequena. Para prender na geladeira, usei ganchos com ventosas.

Ah sim, a costura em volta da meia é ponto caseado (quem tiver dúvida, pode acompanhar esse vídeo), que é o mesmo ponto que é muito usado para trabalhos em feltro.  Usei linha branca e talvez ficaria bacana com linha marrom, mas fiquei na dúvida (achei que iria tirar a atenção dos desenhos) e desisti.

Ah sim, vamos ao gráfico. Eu me inspirei em um gráfico que encontrei no Buzy Bobbins:

Bauble christmas card motif with grid

 

Como vocês podem perceber, são diversas bolinhas de natal. Pensei em muitas coisas que dá para fazer com elas:

– Dá para bordar as bolhas a sua escolha, colar o etamine delicadamente em papel paraná, fazer uma moldurinha caprichada e transformar em  cartão de Natal.

– Dá para bordar em pequenos bastidores e fazer enfeites para a árvore de natal.

– Dá para fazer um quadrinho 🙂

Enfim, são muito fáceis mesmo de bordar (diria que são de nível iniciante) e nem por isso deixam de ser bonitinhas. Uma dica para quem está iniciando no bordado: escolha gráficos com poucas cores, sem arabescos ou outros detalhes elaborados. É melhor terminar um trabalho simples do que ficar enrolando frustrado com um trabalho mais elaborado, vai por mim ;).

As letras que utilizei para escrever Papai, Mamãe e Bebê foram obtidas de um exemplar da revista Ponto Cruz. Muitas revistas e até mesmo em blogs há modelos de fontes, só escolher a que achar mais bonitinha. Pode usar uma letra mais elaborada e escrever só as iniciais dos nomes dos integrantes da família, por exemplo.

Normalmente  eu uso linhas Anchor. Acho que 98% das minhas linhas são dessa marca. Muitas inclusive herdei de minha avó, que fazia vagonite.

Agora é esperar o Papai Noel chegar e encher nossas meias com doces ;).