Sally Ride: a primeira norte-americana a ir ao espaço!



Há algumas semanas, o Google homenageou a astronauta Sally Ride com o doodle:26180446466240

O doodle tinha várias versões, mas achei essa do gif acima bem bonitinha. São mulheres “subindo”, inspiradas por Sally.

Sally Ride foi a primeira norte-americana a ir para o espaço. E ela não era militar! Sally se formou em Física e em Inglês pela Universidade de Stanford. No final da década de 1970, ela respondeu a um anúncio da NASA, que procurava astronautas femininas para o programa espacial. Ela foi selecionada com mais cinco mulheres e completou o curso de qualificação em 1979. Ajudou a desenvolver um braço robótico que foi utilizado em ônibus espaciais.

Sally Ride com outras colegas astronautas, que foram selecionadas junto com ela no final da década de 1970.
Sally Ride com outras colegas astronautas, que foram selecionadas junto com ela no final da década de 1970. Uma curiosidade é que a 2° astronauta (da esquerda para a direita) é Judith Resnick, que morreu na tragédia da Challenger, em 1986.

Em 18 de junho de 1983, Sally Ride entrou para a história como a primeira norte-americana a subir ao espaço. Foi integrante da tripulação da Challenger, em uma missão que colocou em órbita dois satélites de comunicação e realizou alguns experimentos da área farmacêutica.  A carreira de astronauta de Sally acabou sendo interrompida pela tragédia da Challenger, em 1986. Na tragédia, morreu a astronauta Judith Resnick, sua colega. O programa espacial americano foi paralisado após a tragédia.

Depois de deixar de ser astronauta, Sally tornou-se exemplo para todas as mulheres. Encorajou outras mulheres a tornarem-se astronautas e também influenciou tantas outras a seguirem carreiras científicas.

Deu aulas de física na Universidade da Califórnia e dirigiu o Instituto Espacial da Califórnia. Em 2003, Sally integrou uma comissão para determinar as causas da tragédia com a Columbia, sendo a única astronauta a participar das investigações. O perfil de Sally certamente favoreceu: formada em Física e em inglês, tinha conhecimento científico muito sólido e era excelente oradora.

Infelizmente Sally morreu em 2012, vítima de câncer no pâncreas. Foi casada com o astronauta Steven Hawley, mas de 1985 até sua morte viveu com Dra. Tam E. O’Shaughnessy. Esse relacionamento homoafetivo foi revelado apenas depois que ela morreu. Pois é gente, a homofobia… Ainda vivemos um mundo em que muitos não consideram natural que uma pessoa possa se apaixonar por outra do mesmo sexo.
640px-Ride-s
Sally Ride <3

Sally não foi a primeira mulher a ir para o espaço. Os russos, na época da Corrida Espacial, saíram na frente: Valentina Tereshkova foi a primeira mulher a ir para o espaço, em Junho de 1963. Um ano antes da missão de Sally, outra russa também foi para o espaço: Svetlana Savitskaya. Svetlana quebrou diversos recordes como piloto de jatos Mig e como paraquedista. Assim como sua colega Valentina, Svetlana atualmente também atua na política.

Valentina Tereshkova
Svetlana Savitskaya
Svetlana Savitskaya