Dúvida do Leitor: Furacão Sandy



A dúvida que vou responder hoje é da leitora Edna. Ela quer saber:

Como se formou esse furacao e sua evoluçao?

O Furacão Sandy ocorreu no final de Outubro de 2012. Esse fenômeno recebeu bastante destaque na época porque atingiu áreas que, climatologicamente falando, não são muito típicas de serem atingidas por furacões.

Eu escrevi alguns posts sobre o Sandy aqui no blog. O que responde a dúvida da Edna é este. Mas vou aproveitar o assunto para fazer um “dossiê”, citando todos os posts que escrevi sobre o fenômeno. Acredito que é uma forma de fazer uma retrospectiva sobre o assunto e talvez os posts tenham mais informações que podem ajudar a Edna e outros leitores.

Pouco depois da ocorrência do fenômeno, participei do Domingo Espetacular, em uma matéria sobre o Furacão Sandy. Clique aqui para ver.

Também destaquei um vídeo em que a jornalista Flávia Freire (que na época apresentava a Previsão do Tempo no Jornal Nacional) explica o Furacão Sandy. Confira aqui.

Acima, eu mencionei que o Sandy atigiu áreas em que furacões não costumam atingir. Furacões são fenômenos de origem tropical, mas o Sandy atingiu latitudes médias também. Cidades dos Estados de Nova York e Nova Jersey, que ficam no nordeste dos Estados Unidos, foram atingidas.

sandy_vir_2012304

A imagem acima é da noite (hora local) do dia 29 de outubro de 2012. Nela, podemos ver o furacão Sandy atingindo Nova Jersey. Para mais informações sobre a imagem acima, clique aqui.

Seaside Height Pier, Nova Jersey.A estrutura da Montanha Russa (parte inferior à direita) foi atirada ao oceano.
Seaside Height Pier, Nova Jersey.A estrutura da Montanha Russa (parte inferior à direita) foi atirada ao oceano.

A imagem acima mostra o antes e o depois do Sandy em uma área de Nova Jersey. É possível ter uma pequena ideia dos danos. Para mais informações sobre a imagem acima (e para mais imagens impactantes do mesmo tipo), clique aqui.

Os Estados de Nova Jersey e Nova York são muito populosos. A cidade de Nova York destaca-se pela densidade populacional. É uma cidade bem grande, com muitos prédios e é o centro financeiro dos Estados Unidos. Essa foi uma outra razão porque o furacão Sandy foi tão discutido na época. O levantamento da destruição total causada pelo Sandy impressiona (veja aqui alguns números).

Fenômenos severos como o Sandy (ou seja, que ultrapassam o que é esperado pela climatologia) podem ter relação com as mudanças climáticas. Esse tema é pesquisa recorrente de diversos membros da comunidade científica da área de Climatologia e Meteorologia. Vários artigos apontam que com as mudanças climáticas, teremos mais eventos severos. E a temperatura média global tende a subir. Inclusive recomendo esse documentário muito bom, do qual participaram diversos pesquisadores da área.