senseBox, a mini-estação meteorológica que usa sensores Arduino

img_4869

Recentemente, conheci o projeto senseBox. Trata-se de um kit educacional no esquema DIY (do it yourself), usando sensores Arduino, com o objetivo de fazer medições meteorológicas.

Em outras palavras, é uma mini estação meteorológica que pode ser montada por qualquer pessoa que goste de eletrônica (não é necessário ter conhecimentos muito aprofundados). Se já tem um conhecimento em Arduino, melhor ainda! E nem é preciso saber programação de maneira aprofundada, uma vez que uma vez instalada, os sensores da estação mandam os dados para esse site onde podem ser baixados por qualquer pessoa!

É uma Estação Meteorológica com finalidade educacional e que pode ser tranquilamente operada por meteorologistas amadores. Sua instalação é muito fácil. Em menos de 2h, a senseBox foi instalada e colocada on-line na Estação Meteorológica do IAG-USP. Para ver os dados que estão sendo observados, clique aqui. Esses dados podem também ser baixados.

senseboxem

Conversando com alguns desenvolvedores do projeto, eles me lembraram de algo muito relevante. Até o início do século XX, era comum que cientistas de campo contratassem pessoas das comunidades onde eles realizavam seus monitoramentos ambientais. Essas pessoas  não eram cientistas, porém trabalhavam em prol da ciência. Então, era comum existir observadores meteorológicos ou coletores de dados ambientais em geral, que não tinham formação acadêmica, porém receberam treinamento para operar com aqueles instrumentos ou para realizar as coletas adequadas.  O senseBox tenta recuperar essa tradição, uma vez que instalar e operar a mini-estação é extremamente fácil. Dessa maneira, meteorologistas amadores poderão contribuir com uma rede de dados.

A senseBox pode ser instalada dentro de um abrigo meteorológico também, desde que tenha a possibilidade de fazer uma conexão com a internet. Para isso, basta seguir as recomendações da Organização Meteorológica Mundial. Na verdade, o kit da senseBox permite uma miríade de possibilidades, com a conexão de diversos sensores Arduino atualmente disponíveis.

Eu diria que é uma excelente oportunidade para que escolas adquiram o kit. Ele custa cerca de 100 euros, pelo o que me informaram os representantes. Atualmente, não é vendido no Brasil, porém quem entende de Arduino poderá reproduzir o projeto, já que ele é totalmente aberto (basta consultar a documentação no site).

Na passagem por São Paulo, a equipe do senseBox instalou 10 equipamentos (confira as localizações no mapa). A equipe ficou na cidade por 10 dias. A instalação de 10 mini-estações em apenas 10 dias mostra a relativa facilidade com que essa instalação pode ser feita.

Uma reportagem do Jornal da Gazeta mencionou o projeto e sua relevância. Veja abaixo: