Ondas de gravidade na Ilha Geórgia do Sul e Sandwich do Sul



Ondas de gravidade na atmosfera são frequentemente “visíveis” pelos efeitos que elas provocam em nuvens Stratocumulus (Sc). Fonte: Shutterstock

Vamos primeiro localizar geograficamente a Ilha George e a Sanduíche do Sul:

Localização das Ilhas Geórgia do Sul e Sandwich do Sul. fonte: Wikimedia Commons

Essas ilhas ficam no arco de ilhas que liga a América do Sul a Antártida, mesmo arco onde ficam as Ilhas Falkland. Correspondem a um território britânico. E assim como as Falkland (conhecida por Ilhas Malvinas, pelos nossos vizinhos argentinos) também são reivindicadas pelos argentinos. Essas ilhas são santuários naturais, habitat de leões marinhos, pinguins, albatrozes, etc.

As ilhas foram destaque em uma recente imagem no Earth Observatory. A imagem (veja abaixo) foi obtida a partir do MODIS (Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer) , instrumento científico a bordo do satélite Terra. A imagem é de 2 de fevereiro de 2017 e as cores que vemos são naturais. Não houve qualquer tipo de realce, de acordo com o Earth Observatory.

Ondas de gravidade na South Georgia and South Sandwich Islands. Fonte: Earth Observatory

Olhando a figura de maneira mais rápida, a ilha não fica parecendo um navio deslocando-se através de um oceano turbulento, abrindo seu caminho em meio as ondas? O ‘branco’ na ilha e neve, uma vez que a ilha está relativamente próxima da Antártica (ou seja, em latitudes mais baixas). Essas “ondas” nas nuvens são conhecidas como ondas de gravidade.

Quando um pedregulho é atirado em uma lagoa estável (sem uma ondulação prévia), por exemplo, temos ondas de gravidade. De maneira similar, a atmosfera também gera ondas de gravidade.

Elas aparecem quando as massas de ar relativamente estáveis ​​e estratificadas associadas às camadas de nuvens de Stratocumulus (Sc) são perturbadas por um ‘gatilho’ vertical a partir do terreno subjacente, ou por uma corrente ascendente de tempestade ou alguma outra cisalhamento de vento vertical.

O ‘gatilho’ mencionado pode ser por exemplo o deslocamento de ar vertical sobre uma região montanhosa. Imaginem o ar fluindo tranquilamente sobre o oceano quando encontra o terreno irregular da ilha. Se a atmosfera apresentar condições para isso, podem ser geradas as ondas de gravidade, como vemos na imagem.

Em outras palavras, esse ‘gatilho’ seria análogo a pedra jogada no lago.