Dúvida do leitor: qual o programa utilizado para traçar cartas sinóticas?



O leitor Renato quer saber qual o software que os meteorologistas utilizam para traçar as cartas sinóticas.

Como os meteorologistas traçam as cartas sinóticas?
Cortesia de Shutterstock

Se você chegou até aqui e apenas gostaria de saber o que são cartas sinóticas antes de qualquer informação adicional, leia esse post.

Como a maioria dos meus leitores frequentes sabem, eu não trabalho com previsão do tempo. Eu trabalho em uma Estação Meteorológica de Superfície e além de lidar com o controle de qualidade dos dados, eu trabalho com a divulgação desses dados e com o atendimento de grupos de visitantes. Sendo assim, eu não traço cartas sinóticas em meu trabalho.

No entanto, eu trabalho com divulgação científica e frequentemente eu ajudo a divulgar o trabalho dos meteorologistas em geral. Não é incomum que para escrever meus posts, eu consulte meus colegas. E para responder a pergunta do Renato,  falei com alguns colegas de profissão que atuam na previsão do tempo. Portanto, antes de mais nada gostaria de agradecer ao Andre Filipe, ao Piter Scheuer, ao Marcelo Martins e ao Gustavo Escobar, todos eles são meteorologistas que atuam no Brasil e tem uma grande experiência na área de previsão do tempo e traçam cartas sinóticas diariamente.

De acordo com meus colegas, os programas mais utilizados para essa finalidade, são:

Os dois últimos softwares dessa lista são da UNIDATA  e as coisas desenvolvidas por eles são fantásticas. A documentação é sempre muito boa, com bons manuais e até com tutoriais, em alguns casos. Ainda de acordo com o meteorologista Gustavo Escobar, as cartas podem ser traçadas na mão ou com programas de interpolação (os programas mencionados acima fazem essa interpolação). Os meteorologistas então sobrepõe os dados observados (SYNOP, que a Estação Meteorológica onde trabalho produz, por exemplo) e também utilizam como referência a análise do modelo global GFS. O meteorologista pode fazer correções se necessário e pode utilizar imagens de satélite como referência.

Mesmo com o advento de programas que permitem que as cartas sinóticas sejam traçadas no computador, muitos meteorologistas ainda preferem traçá-las na mão. A experiência do meteorologista conta muito: aprende-se a teoria na faculdade, mas o sucesso e a competência do meteorologista nessa área são determinados por anos de prática e experiência. O Piter Scheuer por exemplo disse que costuma traçar as cartas sinóticas na mão. Depois de traçadas na mão, o meteorologista pode utilizar programas de edição de imagens como o Adobe Illustrator para transferir o que ele fez no papel para uma imagem no computador bem editada que poderá ser divulgada.

Espero que tenha respondido sua pergunta, Renato. Se algum colega chegar até esse post e tiver algo a mais para acrescentar, fiquem a vontade e escrevam nos comentários.