Uma história real muito semelhante ao filme “Roubando Vidas”



Bom, vez ou outra abordo aqui no blog assuntos que me interessam além da Meteorologia. Falo sobre meus hobbies ou sobre assuntos que gosto de pesquisar. Por exemplo, eu gosto muito de programas que falam da investigação de crimes, admiro muito o trabalho dos investigadores e tenho algum interesse em ciência forense. E investigação criminal vai ser o assunto desse post, vou falar sobre a impressionante história da criminosa Elaine Parent e de como essa história se assemelha a do filme Taking Lives.

SantaBanta.com

Há um filme que gosto bastante, estrelado por dois atores excelentes (Angelina Jolie e Ethan Hawke) chamado Roubando Vidas (título original: Taking Lives). O filme é de 1999 e conta a história de um agente do FBI chamado para investigar o caso de um criminoso que estaria matando pessoas e roubando suas identidades.

Recentemente, eu estava assistindo um episódio em particular da série Swamp Murders do Investigation Discovery e eu vi semelhanças impressionantes com o filme que mencionei. O episódio é The Chameleon Killer, do segundo ano da série e conta a triste história de Beverly McGowan, cujo corpo foi encontrado em um canal da Flórida e logo foi constatado que ela foi vítima de assassinato. Ao investigarem o assassinato de Beverly, chegaram até Elaine Parent, uma criminosa que roubou a identidade de várias pessoas, incluindo a de Beverly.

Quando chegaram até um imóvel que Parent ocupava, os investigadores descobriram um acervo de disfarces que continha perucas, apliques e até uma prótese fálica. Foram 12 anos procurando por Parent, período em que ela conseguiu fugir para Londres usando uma identidade falsa. Ela viveu em Londres por algum tempo, mantendo inclusive um relacionamento amoroso duradouro nos anos que passou foragida nessa cidade.

Foram cerca de 20 identidades roubadas. É interessante que em alguns casos ela conseguiu enganar as pessoas de maneira muito simples para obter informações para seus crimes. Ela chegava até as pessoas com muito charme, ganhando a confiança de pessoas vulneráveis e solitárias. Dizia então ser entusiasta da numerologia e assim pedia números de documentos para fazer suas supostas “contas numerológicas que realmente funcionavam”. Na verdade, ela queria as informações pessoais alheias para aplicar seus golpes.

Beverly provavelmente foi morta porque desconfiou de algo, uma vez que trabalhava em um banco e provavelmente percebeu que a conversa da mulher chamada Alice (uma das identidades roubadas por Parent) estava muito estranha e poderia levar a um golpe. Para conhecer a história dessa criminosa, veja o episódio mencionado de Swamp Murders e essa reportagem do Telegraph.

Apesar de alguns pontos da vida criminosa de Elaine Parent serem muito semelhantes ao da história do criminoso James Costa/Martin Asher (interpretado por Hawke em Taking Lives), o filme não foi baseado nessa história real. Taking Lives foi baseado no thriller homônimo de Michael Pye. Já quero ler esse livro!